Ator é condenado por cuspir em estudante

Segundo informações do Tribunal de Justiça do Rio, em outubro de 2007, a jovem atravessava a rua quando quase foi atingida pelo carro do ator

O ator Raul Gazolla foi condenado a pagar R$ 8 mil por danos morais à estudante Kiane Kelner Netto, que teria sido ofendida por ele em 2007, durante uma discussão no trânsito. A decisão é da 3ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio. O advogado de Gazolla, Eduardo Goldenberg, afirmou que não vai recorrer e que já orientou o ator a depositar a indenização.

Segundo informações do Tribunal de Justiça do Rio, em outubro de 2007, a jovem atravessava a rua quando quase foi atingida pelo carro do ator. Ela teria reclamado da sua atitude, mostrando-lhe o dedo. Gazolla então teria descido do veículo, dirigindo-se à porta da escola da estudante, e, diante de seus colegas, teria cuspido em seu rosto.

Por unanimidade de votos, a Câmara acolheu o voto do relator do processo, desembargador Ronaldo Lopes Martins. "A honra é um valor íntimo moral do ser humano, constitui um de seus bens mais preciosos, não podendo ficar à mercê dos que a desprezam", afirmou o desembargador.

Segundo ele, a humilhação gerada pela conduta do ator ?ultrapassou e muito a normalidade?.

Fonte: g1, www.g1.com.br