Aviso no muro adverte do perigo na guerra do tráfico em Fortaleza

Aviso no muro adverte do perigo na guerra do tráfico em Fortaleza

Quem passa pela avenida fica assustado com o que está escrito

A ´guerra´ entre duas quadrilhas de traficantes dos bairros Tancredo Neves e Lagamar, em Fortaleza, que já resultou em vários assassinatos, tem deixado os moradores dos dois bairros em permanente clima de tensão. Criminosos fortemente armados desafiam as autoridades e deixam a população refém.

Quem passa pela Avenida Rogaciano Leite, próximo de uma das entradas do bairro Tancredo Neves, se depara com o aviso pichado no muro da residência. A briga entre traficantes no local deixa os moradores assustados.

Prova disso está escrito no muro de uma residência localizada na Avenida Rogaciano Leite, próxima de uma das entradas do Tancredo Neves. Temendo que alguém seja confundido com membro de gangues rivais e tiros disparados, o aviso foi deixado para quem passa pelo local. "Tire o capacete, baixe os vidros e ligue a luz de dentro do carro", foi a advertência pichada há cerca de dois meses. Quem passa pela avenida fica assustado com o que está escrito.

Segundo a Polícia Militar, o policiamento naquele setor da Capital foi reforçado para evitar novos confrontos armados.

A rixa entre os traficantes do Lagamar e do Tancredo Neves vem motivando tiroteio e mortes. Um dos ´cabeças´ da quadrilha que agia no Tancredo Neves e decidiu ´invadir´ o território dos oponentes do tráfico no Lagamar foi, recentemente, transferido de uma unidade do Sistema Penal do Ceará para o Presídio Federal de Segurança Máxima de Catanduvas, no Paraná, depois de tentar fugir. Trata-se de Renan Rodrigues Pereira.

Fonte: Diário do Nordeste