Avó evita que neta de 12 anos seja estuprada por adolescente de 13 anos

O adolescente desconhecido fugiu.

Na tarde de ontem, uma moradora da Vila Santa Clara, em Bauru, procurou o Plantão Policial para registrar que há pouco mais de uma semana, ela flagrou um adolescente desconhecido tentando estuprar sua neta, de 12 anos, dentro da casa onde a adolescente vive.

Quem levou o adolescente infrator para dentro da casa foi o irmão da vítima, um adolescente de 13 anos.

Ao ver os dois entrando no quarto, trancando a porta e ligando o som em alto volume, a avó desconfiou e decidiu espiar pelo buraco da fechadura. Ela viu quando o adolescente desconhecido tirou a roupa, ficou só de cueca e foi para cima da menina, na intenção de estuprá-la, segundo a testemunha. A avó bateu na porta e impediu o ato. O adolescente desconhecido fugiu.

A avó narrou aos policiais que seu neto é bastante problemático, e que diz que vai virar traficante. Ela contou também que o jovem costuma aparecer em casa com objetos eletrônicos que não pertencem a ele. A mãe da vítima disse que não sabe o que levou seu filho a ter tal comportamento. ?Ele não fala comigo. Dá trabalho demais?, disse.

A mãe afirma que a adolescente passa bem, e que o rapaz que tentou estuprá-la é um conhecido de seu filho. No entanto, ela não conhece o rapaz.

O caso segue pela Vara da Infância e Juventude.

Fonte: Terra