"Babá sempre se mostrou carinhosa", diz pai de criança agredida na Bahia

Em entrevista, ele diz jamais tinha desconfiado da babá,

Foi após uma festa na escola que o pai da menina agredida por uma babá em Feira de Santana, a cerca de 100 km de Salvador, começou a suspeitar da violência que a filha estava sofrendo. ?A mãe de uma amiga de escola da minha filha chamou a atenção da minha mulher. Disse que tinha visto a babá chacoalhar nossa filha. Foi aí que resolvemos investigar?, conta o pai da menina, que prefere não ser identificado.

Em entrevista, ele diz jamais tinha desconfiado da babá, que trabalhava na casa há pouco mais de um mês. ?Ela sempre se mostrou carinhosa, atenciosa com nossa filha. Na nossa frente, sempre perguntava se a menina queria comer algo, dava banho. Sempre cuidadosa. A partir do relato da mãe da coleguinha da nossa filha, resolvemos investigar. Coloquei o notebook na mesa da sala e deixei ligado, gravando toda a manhã delas. Foi aí que descobrimos?, relata o pai.

Emocionado, ele conta que foi difícil olhar para a babá após ter descoberto o crime. ?Fiquei sem saber o que fazer e minha esposa me acalmou. Assim, fomos para a delegacia prestar queixa. A a polícia de ir busca-la no outro dia de manhã, assim que ela cheg ou ao serviço?, contou. O pai da menina disse que estava na delegacia quando a babá foi prestar depoimento. ?Eu cheguei lá e prestei depoimento. Logo depois ela chegou e disse que tinha feito aquilo porque estava de TPM?, revelou.

Trauma

Preocupados com um possível trauma que a criança poderá levar para o resto da vida, os pais estão decididos a submetê-la a um acompanhamento psicológico. ?Hoje minha filha estava brincando com duas bonequinhas e ela disse para as bonecas: ?Se você fizer algo errado, eu vou te bater?. Depois disso, conversei com ela, mas já estamos a procura de um psicólogo.?, contou o pai.

O caso

Desconfiados de que a filha estava sofrendo algum tipo de violência, os pais de uma criança de 3 anos instalaram uma câmera escondida em casa, localizada no município de Feira de Santana, a cerca de 100 km de Salvador, e descobriram que a babá que cuidava da garota batia, gritava e fazia ameaças à criança.

A situação foi descoberta na terça-feira (22), mas o vídeo só foi divulgado neste sábado (26). Os pais da criança preferem não se identificar. O crime está sendo apurado pela 2ª Delegacia, em Feira de Santana.

As imagens gravadas pela câmera instalada pelos pais da menina mostram a criança assistindo a televisão e a babá irritada porque a criança pediu que ela pegasse um brinquedo atrás do sofá. Nesse momento, a babá ameaça bater na menina com uma vassoura. Em um outro ponto da gravação, as imagens mostram a funcionária ameaçando a criança porque ela não quer dormir. Logo depois, ela dá um tapa na menina e ameaça bater mais uma vez.

Enquanto conversa ao telefone com outra pessoa, a babá bate outras vezes na criança. As imagens mostram ainda a criança recebendo murros na cabeça.

Segundo a polícia, a babá já foi ouvida, mas não foi presa porque não houve flagrante.

Fonte: G1