Bandidos assaltam ônibus, roubam vários objetos e causam pânico

Ônibus assaltado faz linha para o bairro Pedra Mole, na zona Leste.

Os bandidos armam um plano: o líder pega um ônibus no centro  de Teresina, entra como se fosse passageiro e a outra parte dos bandidos, que geralmentge fica em uma das paradas da Avenida Presidente kennedy, na zona Leste da capital, se encarrega de realizar a abordagem. Os assaltos são constantes e acontecem, inclusive durante o dia. O caso mais recente foi registrado por volta das 15h de sexta-feira, dia 10 de junho. 

O coletivo, que faz linha para o bairro Pedra Mole, na zona Leste, estava lotado e toda a ação durou cerca de 10 minutos, mas suficiente para causar pânico e desespero nos passageiros. O motorista foi surpreendido por quatro criminosos, sendo três homens e uma mulher. Em seguida, foi obrigado a mudar a rota. O medo  já faz parte da rotina quem espera ônibus para essa região.

Coletivo faz linha para o bairro Pedra Mole, na zona Leste
Coletivo faz linha para o bairro Pedra Mole, na zona Leste

Um passageiro, que prefere não se identificar, relata de que maneira os assaltantes costumam agir. "Constantemente ocorre assaltos e principalmente em ônibus. Eles entram normalmente como se fossem passageiros, e quando percebem que o coletivo passa por um local 'livre' da polícia, anunciam o assalto. Eles pegam o que têm que pegar, na maioria das vezes celulares, objetos e dinheiro", afirmou.

Um motorista, que também preferiu não se identificar, que trabalha em um dos coletivos que faz linha para o bairro, confirma o aumento da insegurança. "Verdade. Os assaltos são constantes e nós temos muito medo. Eles entram e você acha que são apenas passageiros, mas aí anunciam o assalto", afirmou o motorista. 

Uma senhora que estava no ônibus vítima do arrastão na sexta-feira, afirma: "Foi horrível. Eu vinha com meu marido e quando foi na entrada da Pedra Mole, eles disseram: 'olha moleque, agora você segue direto'. Eles esculhambaram o motorista e um deles  já estava com uma faca e uma sacola, recolhendo os objetos".

O Coronel Costa Lima, Comandante 5º Batalhão da Polícia Militar, explica quais ações a polícia tem desenvolvido para coibir este tipo de ação. "Realmente nós tivemos alguns assaltos nesses locais citados na reportagem e é uma modalidade que estava afastada, já que estávamos tendo poucos assaltos a ônibus. Nesse início de ano, no entanto, essa modalidade cresceu. Nós vamos determinar que todas as viaturas, principalmente das Forças Táticas, abordem esses ônibus que fazem linha na região da Pedra Mole, Nova Teresina e região", declarou.

O Comandante argumenta que as imagens de dentro dos coletivos podem ser utilizadas na captura dos assaltantes. “Pedimos aos empresários que nos repassem estas imagens para que a gente possar analisar e levantar a identidade destes criminosos. Nós também iremos fazer abordagens nas paradas onde eles costumam agir. Vamos verificar se são conhecidos nossos. Vamos intensificar as ações nesses horários em que eles agem e vamos repassar esta ordem para todas as viaturas”, concluiu o comandante. 

Fonte: Portal Meio Norte