Bando leva R$ 200 mil de loja no PI

Bando leva R$ 200 mil de loja no PI

Na manhã desta segunda feira, dia 29 de março, dois assaltantes levaram mais de 200 mil reais da gerente de uma loja de peças de automóveis, em pleno o centro comercial de Campo Maior (84 km ao norte de Teresina). O assalto aconteceu na Rua Antonino Freire, próximo ao SANDU, um dos locais mais movimentos de Campo Maior, em dia de segunda feira. A gerente da loja ?Auto Peças São Cristovam, do mesmo grupo do Posto de Gasolina, São Cristovam, Wilma Pereira, foi abordada por dois homens, quando ia fazer um depósito na rede bancaria da cidade. Wilma é filha do senhor Antonio Pereira, proprietário de alguns Postos de Gasolina em Campo Maior.

O delegado regional de Campo Maior, Luis Alberto Leal Barbosa, disse que os assaltantes levaram cerca de 200 mil reais em cheques e uma quantia pequena em dinheiro vivo. Os dois assaltantes ainda levaram a moto da vítima, um C-100 Biz, que foi abandonado nas margens do Açude grande de Campo Maior, bem próximo a sede da AUCAN. No mesmo local, os bandidos abandonaram o carro usado no assalto, um gol branco, de placa, NIH 7519, de Teresina. Segundo a polícia, o veículo foi roubado ontem na capital piauiense, e segundo informações preliminares da polícia, pertence ao Pastor Gessivaldo Isaias de Carvalho Silva, que foi candidato a deputado estadual.

De acordo com informações colhidas pela polícia, enquanto os dois bandidos praticavam o assalto no centro da cidade, outros dois elementos já esperavam a dupla no local onde o carro e a moto foram abandonados. Vizinhos do local disseram que dois homens chegaram em um carro modelo corsa, de cor preta, com placa de São Luiz - MA, e permaneceram sentado em um banquinho nas margens do açude, durante boa parte da manhã, até que de repente chegou os outros comparsas, deixaram o carro gol e a moto e os quatro fugiram no Corsa.

A polícia está em diligência e o delegado regional já fez contatos com outros delegados na região de Campo Maior. Algumas buscas foram feitas em alguns estabelecimentos suspeitos e mesmo a polícia trabalhando com a hipótese dos marginais serem de Teresina, não está descartada a participação de pessoas de Campo Maior. A polícia apurou que desde cedo que os assaltantes circulavam por Campo Maior, inclusive teriam visitados outro Posto de Gasolina.

Fonte: Campomaior Emfoco