Bando usa maçarico para arrombar cofre e levam dinheiro de agência do BB no Ceará

Os bandidos obtiveram êxito e não foi necessário nenhum disparo

Mombaça. Três dias após a tentativa de roubo na agência do Banco do Brasil (BB) em Orós, bandidos conseguiram arrombar o cofre e levar todo o dinheiro da agência do BB de Mombaça (cidade distante 300Km de Fortaleza, na Região Centro-Sul). A ação dos bandidos aconteceu na madrugada de sábado passado, mas somente na manhã de ontem, a Polícia foi comunicada do crime, após os funcionários chegarem para trabalhar naquela unidade bancária.

Diferente da ação frustrada, mas violenta praticada em Orós, com tiros e explosões na agência do banco e na fachada da delegacia de Polícia, em Mombaça, os bandidos obtiveram êxito e não foi necessário nenhum disparo de arma de fogo. Os criminosos agiram de forma silenciosa e profissional. Conseguiram entrar pela porta lateral à giratória e no interior do BB usaram maçarico para abrir o cofre.

Durante a madrugada de sábado, o alarme da agência foi acionado e uma patrulha da Polícia Militar esteve no local, mas não percebeu nenhuma movimentação estranha.

Mais tarde aconteceria o furto. De acordo com informações do delegado regional de Polícia Civil de Senador Pompeu, Miguel Sales, que preside o inquérito, os bandidos usaram o tambor de gás da cantina da própria agência para o funcionamento do maçarico e abriram um buraco no cofre. O banco e a Polícia não informaram o valor roubado.

Peritos da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social fizeram levantamento técnico na unidade. No começo da tarde de ontem, a Polícia ainda não tinha acesso à fita do sistema de vídeo de segurança e não sabia informar quantos integravam o bando. ?Não temos pista e nem informações sobre os bandidos?, disse o delegado Miguel Sales.

As autoridades realizam buscas nesta região do Estado na tentativa de identificar os criminosos. A Delegacia de Roubos e Furtos (DRF) foi informada do caso. A Polícia descobriu que, além do dinheiro, os ladrões roubaram três armas do banco.

Fonte: Diário do Nordeste, www.diariodonordeste.com.br