Bandidos são presos após comemorar crime em churrascaria

Bandidos são presos após comemorar crime em churrascaria

Bandidos presos após matar casal de irmãos

Um duplo assassinato que vitimou um casal de irmãos na manhã de ontem, na cidade de Maranguape, no Ceará, provocou uma intensa mobilização policial que culminou na prisão de três homens, um deles acusado de ser o mandante do crime, e outros dois que seriam os executores.

Os acusados das mortes foram identificados como Reydene Márcio Santana Silva de Sousa, 23; Antônio Adamo Bezerra Carneiro; e Rosiano Ferreira de Lima, ambos de 18. Os três acabaram detidos em uma operação realizada por policiais militares da 2ª Companhia Provisória de Maranguape e da 3ª Companhia do 6º BPM (Maracanaú) com o apoio de policiais civis. Horas antes, eles mataram os irmãos Antônio Francisco de Sousa, 24, o ´Bileu´; e Francisca Sandra Pereira de Sousa, 26.

Churrascaria

Segundo o tenente-coronel PM Geovane Pinheiro, comandante da 3ªCia/6º BPM, o trio foi cercado e preso quando saía de uma churrascaria, no distrito de Boa Vista dos Valentins, distante cerca de 30 quilômetros do Centro de Maranguape. Conforme o oficial, os três estavam deixando o local após comemorarem o ´sucesso´ da ação criminosa, quando foram surpreendidos pelos policiais civis e militares em uma estrada carroçável.

"Eles não esboçaram nenhuma reação, pois não deu tempo. Chegamos na hora certa, quando davam marcha-ré no veículo", disse o capitão PM Eligênio Marques, que comandou as patrulhas mobilizadas para o cerco aos assassinos.

Os acusados foram capturados pela PM por volta das 14 horas, aproximadamente três horas depois de terem invadido a casa de número 1235, na Rua Joel Emídio Machado, no Parque Planalto Paraíso, e cometido o duplo homicídio.

Residência

De acordo com o relato de testemunhas, os três homens chegaram ao local do crime no Corsa de placa HVM-0165. Dentro da residência, no momento do crime estavam, além das vítimas, duas crianças de dois e quatro anos, filhos de Sandra além de dois adultos. O primeiro a ser baleado, segundo o relato dos sobreviventes à Polícia, foi ´Bileu´. Mesmo ferido, ele tentou escapar pelos fundos da casa, mas acabou morrendo.

De acordo com o inspetor Airton Firmeza, Sandra tentou defender o irmão e foi baleada duas vezes, sendo levada para o Hospital de Maranguape e, depois, transferida para o IJF-Centro, mas não resistiu.

A Polícia tem duas linhas de investigação para esclarecer as mortes. A primeira é de que o crime foi motivado por briga na partilha de roubo entre Reydene e ´Bileu´, ou ainda, de origem passional. Os policiais obtiveram informações de que, uma semana antes do crime, a vítima teria assediado a mulher de Reydene e foi ameaçado.

Os três acusados presos foram reconhecidos pelas testemunhas e autuados em flagrante pelo delegado titular de Maranguape, Aroldo Mendes, por homicídio qualificado. "Os depoimentos das testemunhas não deixam dúvidas de que eles cometeram o crime".

Fonte: Diário do Nordeste, www.diariodonordeste.com.br