Jovem brasileira é encontrada morta na banheira de sua casa na Espanha

A jovem apresentava marcas de violência e pegadas com sangue foram encontradas em sua casa

A brasileira Patrícia Souza Leal foi encontrada morta dentro da banheira de sua casa, em Madri, na Espanha, na noite da última quarta-feira, informa o jornal espanhol El País.

Seu corpo foi achado, por volta das 20h, após os bombeiros irem ao local para responder a um alerta sobre vazamento de água. Eles a encontraram na banheira, que tinha a torneira aberta, e identificaram pegadas com sangue pela casa e na entrada.

Segundo o jornal, o cadáver apresentava ao menos um ferimento por arma branca, uma faca que permanecia cravada em suas costas, além de outros sinais de violência. Peritos que examinaram a cena do crime indicaram que a morte ocorreu várias horas antes do corpo ser achado, mas não deram mais detalhes.

A brasileira, 28 anos, trabalhava como funcionária doméstica de uma casa no centro de Madri. No dia de sua morte, a dona da residência em que Patrícia trabalhava alertou uma amiga da vítima de que ela não tinha ido trabalhar e que não havia dado notícias, o que levou outro amigo a ir até a casa e verificar que a água saía por debaixo da porta. Ao chegarem no local, bombeiros derrubaram a porta e a encontraram morta.

Patrícia chegou à Espanha há seis anos, com o objetivo de juntar dinheiro. Segundo o jornal espanhol El Mundo, ela tinha um relacionamento há cerca de dois meses com um jovem dominicano. O namorado da brasileira foi interrogado. Mas não há informações se ele é suspeito pelo assassinato ou se foi detido.


Brasileira é encontrada morta na banheira de sua casa na Espanha

Fonte: Terra