Briga mata jovem e homens entram em hospital para linchar o acusado

Os vândalos quebraram as vidraças do hospital.

Uma briga na cidade de Cocal da Estação terminou com um jovem morto a facada, um lesionado na cabeça, duas motos incendiadas e vidraças do hospital da cidade destruídas. Tudo começou por volta das 2h20 de hoje (31), durante uma festa no Clube do Monção, onde aconteceu uma briga envolvendo vários jovens daquele município.

A confusão terminou do lado de fora do clube, com o assassinato de Felipe Lima da Cunha, 19 anos.

Um dos acusados do homicídio, Antonio Macílio Alves Machado, de 19 anos, saiu lesionado na briga e ao ser atendido no Hospital Joaquim Vieira de Brito na companhia de seu irmão Maciel Raimundo Machado, de 20 anos, também acusado de participação no crime, por pouco não foi linchado por amigos da vítima Felipe, que invadiram o hospital e agrediram fisicamente Macílio. Seu irmão Maciel somente não foi agredido porque conseguiu fugir a tempo.

Um segurança e o motorista Giovane do hospital impediram que Antonio Macílio fosse morto dentro do hospital pelos amigos de Felipe, que revoltados com a interferência passaram a atirar pedras, quebrando as vidraças do hospital e incendiaram uma moto Fan 125, de cor vermelha, nas imediações do Clube do Monção e uma outra moto em frente ao hospital daquela cidade.

A Força Tática, sob o comando do sargento Paulo Roberto prendeu o acusado Antonio Macílio Alves Machado que por medida de segurança foi recambiado para central de flagrantes, em Parnaíba.









Fonte: Blog Yuri Gomes