Briga política termina com três pessoas da mesma família agredidas

Briga ocorreu na cidade de Pimenteiras, no Piauí.

Uma briga causada por divergências políticas terminou com o saldo de três pessoas da mesma família feridas na cidade de Pimenteiras, a cerca de km de Teresina. O incidente ocorreu na tarde de segunda-feira, dia 3 de outubro.

De acordo com o relato de testemunhas, Joysa Alves, o filho e a mãe, teriam sido agredidas a pauladas por uma mulher identificada apenas como Kamila Aquino. Após a agressão, as vítimas foram socorridas e encaminhadas ao Hospital da cidade.

Além disso, registraram um Boletim de Ocorrência (B.O) contra a acusada. A Polícia Civil abriu inquérito para realizar a investigação do caso.

Outras ocorrências

Um homem identificado como Robervaldo Vicente Alves foi atingido com um tiro na região do pescoço enquanto presenciava o comício do candidato a reeleição Santino Xavier no município de Santa Cruz do Piauí (302km de Teresina).

A vítima que é eleitor do candidato da oposição Barroso Neto, estaria próximo ao comício do adversário quando foi surpreendido pela bala, disparado, de acordo com testemunhas, por um homem identificado por Jean Antonio Evangelista, mais conhecido por ‘carne de porco’, natural da cidade de Wall Ferraz, no Piauí.

No dia 18, um homem identificado como Idelfonso da Silva Sousa, 31 anos, foi assassinado pela própria mãe na zona rural de Boa Hora. O crime, segundo informações, foi motivado por uma discussão política, já que mãe e filho apoiavam candidatos diferentes e um jingle de campanha teria iniciado a briga.

“A mãe apoia um candidato e o filho outro. Hoje ele chegou na casa da mãe alcoolizado e começou a quebrar as coisas dentro de casa durante uma discussão com a mãe porque ela estava ouvindo a música do candidato que apoia. Ela que tem problemas mentais atingiu o filho com uma facada no peito”, afirmou o radialista Frank Ribeiro.

No dia 09 de agosto, duas pessoas, identificadas como Jhony Batista da Silva, 38 anos, e Edna Rodrigues, de 33 anos, foram baleadas durante uma discussão no município de Guaribas. De acordo com o Tenente Coronel John Feitosa, as duas vítimas foram socorridas e levadas para um Hospital em São Raimundo Nonato.

A Polícia Militar do município informou que a confusão pode ter sido ocasionada por causa de questões políticas, supostas retaliações após convenções partidárias ocorridas na cidade.

No dia 06 de agosto, uma discussão banal entre dois jovens acabou em tragédia no município de Batalha, região norte do Piauí. Segundo testemunhas, um rapaz identificado apenas como Geraldo, teria atropelado seu amigo chamado Lucídio. O fato aconteceu próximo ao pontilhão, no bairro São Miguel, na saída da cidade.

Tudo começou quando os dois estavam conversando sobre política em um trailer e houve um desentendimento. Naquele momento, a vítima saiu de motocicleta e o motorista o acompanhou, atingindo-o logo em seguida.

Em junho deste ano, o  ex-prefeito do município de Curimatá, 784 km de Teresina, Valdecir Júnior, durante entrevista ao programa Agora, da Rede Meio Norte, falou da agressão que diz ter sofrido do atual prefeito Reidan Kléber. Segundo informações, eles teriam saído aos tapas durante uma festa de vaqueja em Parnaguá, município vizinho

Em abril deste ano, uma ex-vereadora identificada como Jaqueleide procurou a polícia, afirmando ter sido agredida pelo próprio irmão de nome  Jaílson, que é vice-prefeito. O fato ocorreu no município de Miguel Leão. 

Fonte: Portal Meio Norte