Bruno passa mal e recebe médica particular

Jogador passou mal no domingo e, segundo defesa, chegou a ficar uma hora inconsciente

O advogado de defesa do goleiro suspenso do Flamengo Bruno Fernandes, Ércio Quaresma, disse nesta segunda-feira (12) que uma neurologista particular deverá examinar seu cliente ainda nesta manhã. A médica era aguardada, por volta das 9h, na penitenciária Nelson Hungria, em Contagem, na região metropolitana de Belo Horizonte (MG).

Segundo Quaresma, a médica foi chamada para fazer um exame mais detalhado em Bruno, que passou mal na madrugada do domingo (11). O advogado afirmou que seu cliente chegou a desmaiar e a ficar inconsciente por cerca de uma hora.

Na noite do domingo foi divulgado que o jogador teve um mal súbito, com uma forte dor no peito e queda de pressão durante a madrugada. Por volta das 2h30, ele pediu ajuda. Houve correria no pavilhão de triagem, onde ficam os presos provisórios. Bruno foi atendido por um enfermeiro da unidade de saúde e melhorou. Durante o dia, um médico neurologista foi até a penitenciária e teria constatado que o estado de saúde de Bruno era bom.

Ércio Quaresma e Zanone de Oliveira, defensor do ex-policial Marcos Aparecido dos Santos, o Bola, chegaram a penitenciária às 8h45. Eles devem acompanhar seus clientes nesta segunda até a Divisão de Homicídios de Belo Horizonte, onde ambos - além de Luiz Henrique Romão, o Macarrão ? devem prestar depoimento nesta segunda-feira.

Fonte: R7, www.r7.com