Cadeirante e avó de 84 anos são presos acusados de tráfico de drogas

Ao serem revistados, a idosa deixou caiu um pacote com cerca de 500 gramas de cocaína.

Um paraplégico e sua avó, de 84 anos, foram presos em flagrante pela PM (Polícia Militar) acusados de tráfico de drogas em Natal, na noite deste domingo (13). Samuel Rodrigues, 30, e a avó, que não teve o nome revelado, estavam dentro de uma casa, na zona sul de Natal, quando foram abordados por homens 5º Batalhão da PM e do Batalhão de Choque da PM. Eles usaram cães farejadores para encontrar a droga.

Ao serem revistados, a idosa deixou caiu um pacote com cerca de 500 gramas de cocaína. A mulher negou saber que estava com a droga escondida na roupa e afirmou que foi o neto que colocou sem que ela visse. Os policiais usaram uma cadela farejadora conhecida por Iná para fazer a revista no imóvel e encontrou mais droga escondida na casa, além de dinheiro trocado, uma balança de precisão e um revólver calibre 38.

A PM informou que chegou a dupla após abordar um homem com atitude suspeita e encontrar uma pequena quantidade de cocaína. O homem afirmou que era usuário e que teria adquirido a droga na residência de Samuel.

Samuel Rodrigues, conhecido como Samuca, já tem passagem pela polícia e cumpre prisão domiciliar porque é deficiente físico. Ele estava em regime de prisão domiciliar sob acusação de sequestro e homicídio. Segundo a PM, Rodrigues participou do sequestro do empresário do ramo alimentício em Natal Ricardo Bezerra, 53, e depois usou o carro da vítima para cometer um assassinato.

Fonte: UOL