Carcereira de 63 anos é suspeita de matar ex-marido

Depois de supostamente atirar contra o ex-marido, a aposentada se apresentou na delegacia de polícia do município.

Uma carcereira aposentada é suspeita de ter matado o marido a tiros em Jaboticabal, no interior de São Paulo. O crime ocorreu na sexta-feira na casa onde o casal morava. De acordo com a Polícia Militar, o homem de 56 anos foi morto quando estava deitado na cama.

Depois de supostamente atirar contra o ex-marido, a aposentada se apresentou na delegacia de polícia do município. Ela já havia registrado boletins de ocorrência contra a vítima por agressão e estava finalizando o processo de separação.

Ela vai responder ao crime em liberdade.

Fonte: Terra