Casa de jogos clandestinos usa armadilha contra a PM

Casa de jogos clandestinos usa armadilha contra a PM

Comandante quer enrijecer punição contra comerciantes e jogadores

Uma denúncia anônima levou a Polícia Militar de Sapucaia do Sul (RS) a uma casa clandestina de jogos, na noite deste domingo (31). Seis homens da Inteligência da Brigada Militar foram enviados à paisana e outros oito em viaturas do Comando de Operações Especiais (COE). Mas quando o primeiro policial tentou entrar no local, foi descoberta uma armadilha montada para visitantes indesejados. A porta de ferro havia sido energizada com um fio elétrico, que só era desativado quando o porteiro reconhecia o jogador. O soldado levou o choque, mas não ficou ferido.

A porta de ferro foi arrombada e 11 suspeitos foram detidos. Na casa de jogos, foram apreendidos dinheiro e 37 máquinas caça-níqueis. A Brigada Militar pretende autuar o dono do imóvel e estuda uma medida jurídica para notificar os patrões dos jogadores flagrados praticando o crime. A intenção do comando da PM é endurecer a punição aos infratores por meio da legislação trabalhista para reduzir a reincidência dos jogos de azar na região.

Segundo o 33º Batalhão da PM gaúcha, em 2010 já foram apreendidas mais de 1.000 máquinas caça-níqueis.

Fonte: g1, www.g1.com.br