Casa de prostituição é fechada e três pessoas são presas em BH

A mulher responsável por recrutar as garotas, Rosana Reis Godoi, de 39 anos, admitiu o crime e acabou presa.

Uma casa de prostituição foi fechada na madrugada deste sábado na Rua Contorno Rodoviário, no Bairro Madre Gertrudes, na Região Oeste de Belo Horizonte. Segundo a Polícia Militar (PM), 15 pessoas foram encaminhadas para a delegacia, mas apenas três pessoas foram presas. O local não tinha alvará de funcionamento.

Uma operação conjunta entre a PM, Ministério Público, Corpo de Bombeiros e Prefeitura de Belo Horizonte, foi montada após várias pessoas denunciarem o local. Quando os militares chegaram na boate, Love House, encontraram com várias mulheres que admitiram fazer programas sexuais. Algumas delas foram aliciadas de outros estados.

A mulher responsável por recrutar as garotas, Rosana Reis Godoi, de 39 anos, admitiu o crime e acabou presa. Também foram detidos o gerente do estabelecimento, Antônio Onofre Ferreira, de 50, e um homem que se identificou como o dono, Marcos Vinícius Alves Moreira, 29.

Segundo a PM, desde 2010 mais de 30 homicídios aconteceram nas proximidades da boate. Não há informações se esses crimes têm ligação. A Polícia Civil vai investigar o caso.

Fonte: Estado de Minas