Casa do cartunista Laerte é assaltada e ladrões levam acervo

Casa do cartunista Laerte é assaltada e ladrões levam acervo

Computadores com desenhos de até 12 anos foram furtados

Parte do acervo do cartunista Laerte Coutinho foi furtada durante um assalto à sua casa nesta terça-feira (1º), no Rio Pequeno, na Zona Oeste de São Paulo. Segundo o cartunista, que estava viajando quando o crime aconteceu, os assaltantes arrombaram o imóvel e levaram dois computadores e um HD externo que continham arquivos guardados desde 2000.

Ao voltar da viagem, Laerte disse que percebeu que algo acontecera em sua casa porque suas duas gatas estavam no meio da rua. ?Uma das gatas é paraplégica e fica confinada na cozinha. Quando cheguei, ela estava na calçada?, contou.

Os assaltantes arrombaram a porta dos fundos da casa, que era reforçada. Além dos computadores e do HD externo, um micro-ondas e dois botijões de gás também foram levados. ?Não foi um roubo direcionado [ao acervo]. Eles entraram para ver o que tinha de valioso. Eu não tenho aparelhos de última geração, meu micro-ondas tem mais de dez anos. Mas mesmo assim, levaram ?, comentou Laerte. ?Devem ter vistos os computadores e não faziam a menor ideia do que tinha lá dentro?.

Recuperação

O cartunista registrou um boletim de ocorrência no 93º Distrito Policial, do Jaguaré. Enquanto as investigações policiais prosseguem, ele próprio já está tomando providências para recuperar seu trabalho. ?Perdi uma parte importante da minha memória de trabalho. Reunir isso de novo é um trabalho de garimpagem. Vou ver o que encontro em CDs, em mídias antigas, e vou tentar conversar com as pessoas e ver lugares em que trabalhei para tentar conseguir esses arquivos. Uns são possíveis [de recuperar], mas outros, não?, disse.

Fonte: G1