Casal é atacado a tiros ao ir a favela por engano no Rio de Janeiro

Outra mulher, que estava em ônibus na Avenida Brasil

Um casal que não mora no Rio errou o caminho na Avenida Brasil e entrou por engano na Vila do João, no Complexo da Maré, Zona Norte da Cidade, teve o carro foi atacado por criminosos na noite desta quinta-feira (17).

O carro levou cinco tiros e a passageira Maria Lucila Barbosa de Araújo, de 49 anos, foi baleada na coxa direita. O motorista o veículo não foi atendido, mas Hernanda Pereira da Silva, de 27 anos, que estava dentro de um ônibus que passava pela Avenida Brasil, foi atingida na mão durante o tiroteio na comunidade. Ela foi passar a mão no cabelo, quando a bala a atingiu.

A polícia informou que ficou sabendo da ocorrência quando PMs de um carro do BPVE em patrulhamento pela Avenida Brasil ouviu disparos vindo da Vila do João e notou engarrafamento no local.

Os policiais contaram que quando o carro do casal - que tem placa de Manaus, no Amazonas - entrou na favela, os bandidos estranharam e atiraram. Após a intensa troca de tiros, Maria Lúcia foi encontrada baleada na comunidade. Ela afirmou que estava tentando acessar a Linha Vermelha com o marido e entrou por engano na Vila do João, seguindo informações do GPS do veículo.

Maria foi encaminhada para o Hospital Geral de Bonsucesso. O carro onde estava foi atingido por pelo menos cinco tiros.

Image title

Fonte: Com informações do G1