Caseiro desconfia de roubo de celular e mata convidado em festa

Testemunhas afirmam que suspeito ingeriu muito álcool

Um caseiro de um sítio foi preso suspeito de matar um homem por causa de um celular durante uma festa na Serra, no Espírito Santo.  Roberto Pacheco, de 32 anos, foi convidado para participar de uma comemoração na casa de um amigo.

No entanto, a desconfiança do roubo de um celular fez com que o caseiro do sítio, onde acontecia a festa, fez com que o idoso atirasse no peito do jovem.  Segundo a polícia, o aposentado Nélio de 74 anos foi preso ainda no domingo por policiais perto do local do crime.

Testemunhas afirmaram que o suspeito consumiu muita bebida alcoólica durante a festa. Além da arma do crime de fabricação caseira, outro revólver foi encontrado em posse do caseiro, que não tem porte de arma.


Image title


Fonte: Com informações do R7