Cavalaria da PM dá apoio em áreas periféricas de Teresina

A equipe da Calavaria da PM foi definida pelo comandante-geral.

CONFIRA A REPORTAGEM COMPLETA NA EDIÇÃO DESTA QUINTA-FEIRA (07) DO JORNAL MEIO NORTE

Por: Márcia Gabriele

Como forma de reduzir os índices de violência em bairros periféricos de Teresina, que iniciou na manhã desta quarta-feira, 5, e sem data para término, na região do Promorar, na Vila Parque Vitória, zona sul, a ação da Cavalaria da Polícia Militar, do choque montado, que tem dado maior apoio as unidades de policiamento em áreas de difícil acesso.

A equipe da Calavaria da PM, que foi definida pelo comandante-geral major James, conta com 12 homens, cada um montado em um cavalo e ainda uma viatura para dar os devidos suportes os policiais.

O capitão Marques diz que a visão quando se está montado em um cavalo, é bem mais ampla do que em veículos motorizados, além da facilidade que adquiri ao sair do veículo durante uma ação.

“O comandante-geral viabilizou o policiamento montado para áreas periféricas onde há uma grande dificuldade de acesso de outros meios de policiamento motorizados, como a viatura e motocicletas, na área. A cavalaria tem um poder mais fácil de locomoção. São muitos os obstáculos: crateras, ruas intrafegáveis, que não possuem calçamento e morros com grandes inclinações. Situações em que o cavalo passa com maior facilidade”, explica o capitão que destaca ainda sobre a visão ampla das vilas, que estando montado em um cavalo possibilita.

Fonte: Márcia Gabriele