Cercados pela polícia, bandidos queimam todo o dinheiro roubado

A dupla percebeu que não ia conseguir fugir

Dois assaltantes foram presos depois de invadir uma agência dos Correios em Minas Gerais. A dupla manteve funcionários e clientes reféns por sete horas. Cercados pela polícia, eles queimaram o dinheiro que pretendiam roubar.

A agência tinha acabado de abrir quando os criminosos invadiram o local. Com um revólver, ameaçaram as vítimas de morte. Um deles tentou escapar usando o gerente como escudo humano, mas desistiu.

Depois de sete horas de negociações, os reféns foram liberados pelos assaltantes sem ferimentos. Segundo a delegada Fernando Dourado, antes de se renderem eles atearam fogo em diversas notas de R$ 50.

O total do dinheiro queimado não foi informado. Após o fim das negociações, a área da agência foi isolada pela Polícia Militar. Por se tratar de uma agência dos Correios, o caso foi encaminhado à Polícia Federal.

Com a dupla a polícia apreendeu toucas ninja, um revólver calibre 38, uma réplica de arma, além da motocicleta usada no crime. Eles vão responder por roubo e podem ser condenados a até 15 anos de prisão.

Image title

Image title

Image title

Fonte: Com informações do R7