Comerciante sofre agressão de cipó por não vender fiado

Sr. João Miranda foi agredido por uma espécie de cipó de fibra no rosto nas mãos e pernas

Uma dose de cachaça foi o motivo para Francisco Vando da Silva Barros, de 29 anos, agredir o proprietário de um bar. Segundo informações repassadas à polícia, o comerciante João Miranda dos Santos, foi espancado após se negar a vender fiado uma dose de pinga.

Francisco Vando entrou no estabelecimento, pediu uma dose, mas alegou que estava sem dinheiro naquele momento e pediu para pagar mais tarde. O comerciante negou a venda e os dois começaram uma discussão, um cliente que se encontrava no estabelecimento entrou na briga e foi agredido com um taco de sinuca nos braços, cabeça e nas pernas, Sr. João Miranda foi agredido por uma espécie de cipó de fibra no rosto nas mãos e pernas.

Logo em seguida Francisco vando fugiu e Foi localizado a 200 metros do bar por uma guarnição da polícia comandada pelo o Sargento Marcos que encaminhou o acusado e as vitimas para a Central de Flagrantes no bairro São Benedito.


Comerciante  espancado com cip de fibra por que n縊 vendeu fiado

Comerciante  espancado com cip de fibra por que n縊 vendeu fiado

Comerciante  espancado com cip de fibra por que n縊 vendeu fiado

Comerciante  espancado com cip de fibra por que n縊 vendeu fiado

Fonte: Blog do Pessoa