Conduta de policial do Ronda Cidadão será apurada, diz coronel

Segundo ele, será instaurado um inquérito de processo administrativo

O comandante do Ronda Cidadão, Coronel Lindomar Castilho, informou na tarde desta sexta-feira(04) ao meionorte.com, que o policial J.W., de 30 anos, do Programa Ronda Cidadão, da Polícia Miliar, acusado de estupro de uma garota de dez anos, após ser levado para a Central de Flagrantes, permanece preso no 1º BPM.

Segundo ele, será instaurado um inquérito de processo administrativo contra o policial acusado. " Esse inquérito vai apurar a conduta dele como policial", informou Lindomar.

A denúncia foi feita pela mãe da criança, que teria supostamente flagrado o militar com a criança em sua casa. Já o advogado do militar, Irineu Bezerra, afirmou que o estupro não foi cometido por J.W.



Fonte: Marcos Moraes