Mulher é encontrada morta e amarrada

A mulher apresentava perfurações de bala na cabeça

Ao realizar uma travessia no Rio Parnaíba, na altura da Avenida Boa Esperança, zona norte de Teresina, na madrugada desta segunda-feira (10), o pescador Raimundo Nonato se deparou com uma cena para lá de estranha. O corpo de uma mulher boaiava amarrado a uma bacia.

Baseado na forma como o corpo foi encontrado, agentes do 7º Distrito Policial, responsável pelas investigações do caso, arriscam que a mulher pode ter ter sido assassinada. A bacia onde a vítima foi amarrada e jogada no rio é feita de borracha e geralmente usada para colocar ração de animais.

Ao encontrar o corpo, o pescador muito assustado pediu ajuda ao pai, que chamou o corpo de bombeiros, e em seguida foi chamado a perícia e o IML.

De acordo com o tenente Santana, do 9º Batalhão, deve-se tratar de desova pelas características do corpo. A mulher apresentava perfurações de bala na cabeça. Ela acredita que a mulher tenha sido desovada há mais de cinco dias.

"Pela forma como o corpo foi encontrado, acredito que trata-se de desova feita há mais de cinco dias", disse.

Fonte: Socorró Carcará