Polícia confirma que corpo carbonizado é do jornalista desaparecido

Acredita-se que ele foi morto há dois dias e desovado no local.

Atualizada às 13h34

A polícia identificou o corpo encontrado carbonizado como sendo do jornalista Elson Feitosa, 38 anos, que havia desaparecido há cerca de dois dias.

Segundo informações policiais, o responsável pelo crime teria derramado no corpo da vítima algum tipo de combustível e logo depois ateado fogo.

O corpo do jornalista está no IML (Instituto Médico Legal) e deve ser liberado para sepultamento dentro de uns três dias.

Image title

Corpo parcialmente carbonizado é encontrado em matagal no Piauí
Um corpo parcialmente carbonizado foi encontrado por populares na tarde deste sábado, 03 de Outubro, em um matagal na localidade Aprazível, zona rural e José de Freitas.

De acordo com informações da polícia, o homem estava no matagal com parte do carpo queimado e irreconhecível, acredita-se que ele foi morto há dois dias e desovado no local, os criminosos pretendiam 'sumir' com o corpo ateando fogo na vegetação.

O coordenador e investigador da delegacia de José de Freitas, Gilson Ferreira esteve no local e informou que a vítima estava como um pano na cabeça e metade do corpo carbonizado. Ele acredita que foi uma desova, alguém matou e jogou o corpo naquele local.

Uma guarnição da polícia militar, na pessoa do soldado Oliveira insolou a área para garanti a integridade física da cena do crime e manter a ordem durante a realização dos peritos da Força Nacional.

Image title

Image title

Fonte: Com informações do JF Agora