Criminosos ateiam fogo em carro roubado com vítima dentro em São Paulo

O guarda municipal, de 35 anos, foi rendido por assaltantes na Avenida Tancredo Neve

Um guarda municipal do Guarujá, a 86 km de São Paulo, foi trancado dentro do carro por criminosos que atearam fogo ao veículo. Ele conseguiu escapar.

O guarda municipal, de 35 anos, foi rendido por assaltantes na Avenida Tancredo Neves, um local movimentado do Guarujá. Ele estava de carro indo para casa quando precisou parar em uma rotatória. Foi quando três homens armados invadiram o veículo e anunciaram o assalto.

No início, a intenção dos criminosos era conseguir dinheiro. Mas tudo mudou quando eles abriaram a carteira e identificaram a vítima como guarda municipal. ?Depois que eles viram minha funcional [carteira], aí eles disseram: ? o cara é polícia, vamos matar. Vai sujar para nós??, contou o guarda, que não quis se identificar.

Dentro do carro, os criminosos e o guarda subiram o Morro da Asa Delta, que fica atrás do Ginásio Guaibê. ?Aí, eles começaram a despejar gasolina em mim. Minha roupa ficou toda embebida de gasolina. Quando eu vi o carro todo pegando fogo, a única intenção que eu tive foi fugir?, lembrou o guarda.

O veículo foi completamente destruído e foi levado para o pátio da cidade.

Fonte: g1, www.g1.com.br