Delegado diz que irá prender acusados de assassinar aposentado

Idoso foi baleado com dois tiros na cabeça, não resistiu e morreu.

Um aposentado identificado por Francisco Ivo, de 70 anos, morreu após ser baleado com dois tiros na cabeça enquanto estava conversando com duas pessoas por volta das 10 horas de ontem, na frente da quadra 2, bloco 25, do Conjunto Tancredo Neves, na zona Sudeste de Teresina.

O delegado titular da Delegacia de Homicídios em Teresina, Francisco Costa, o Bareta, trabalha com duas linhas de investigação: homicídio ou latrocínio.

Delegado titular da Delegacia de Homicídios em Teresina, Francisco Costa
Delegado titular da Delegacia de Homicídios em Teresina, Francisco Costa

“Ontem, domingo, chamei o delegado responsável pela área, o delegado Emerson , e esse imediatamente já acionou a equipe dele que já possui algumas informações. Foi localizado um veículo abandonado na região Sul e com as mesmas características do veículo usado no crime. Só posso dizer que é um crime onde uma pessoa foi morta violentamente, mas não posso dizer se foi homicídio ou latrocínio (roubo seguido de morte)”, afirmou.

Segundo Bareta, o trabalho agora é para identificar os criminosos. “Nós vamos identificar e prender o criminoso ou criminosa que tirou a vida deste idoso”, acrescentou.

Um rapaz que mora nas proximidades do local onde ocorreu o crime, que prefere não ser identificado, pede que o delegado recorra ao recurso das câmeras de segurança que, segundo ele, flagraram o exato momento em que tudo aconteceu.

Francisco Ivo foi socorrido por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e levado para o Hospital de Urgência de Teresina (HUT), onde morreu na tarde de domingo. Família de aposentado assassinado a tirospede justiça


Fonte: Portal Meio Norte