Demitido, pedreiro é preso por suspeita de ameaçar o ex-patrão

Ele teria ateado fogo numa residência em construção da vítima.

Um pedreiro foi preso, na noite de sexta-feira (12), em Vista Alegre, no subúrbio do Rio, suspeito de ameaçar de morte o ex-patrão. Ele foi demitido há dois dias. Segundo a polícia, o pedreiro ateou fogo numa residência em construção do ex-patrão. Após as promessas de vingança, a vítima procurou a 38ª DP (Irajá).

A polícia foi então em busca do suspeito. Após uma perseguição que começou em Brás de Pina, também no subúrbio, o homem acabou preso.

Na delegacia, os agentes descobriram que contra o suspeito já havia três mandados de prisão ? dois por tráfico e porte de armas e um por homicídio.

Um primo do suspeito também prestou queixa contra ele por furto. O primo, que também trabalha como pedreiro, disse à polícia que o suspeito teria cometido ainda um outro homicídio em Itaboraí, na Região Metropolitana do Rio. A polícia investiga o caso

Fonte: G1