Detenta recebe alvará de soltura, mas se recusa a deixar a prisão na Bahia

"Droga é uma prisão pior do que essa", afirma mulher, que se diz viciada.

Uma mulher de 27 anos que cumpre pena no presídio de Feira de Santana, a 100 Km de Salvador, recebeu alvará de soltura na semana passada e se recusou a deixar a unidade penal.


Detenta recebe alvará de soltura, mas se recusa a deixar prisão na Bahia

Ela já foi detida por quatro vezes, acusada de furto. A última prisão ocorreu no dia 19 de março. De acordo com a mulher, ela é viciada em crack e, se estiver presa, pode evitar usar drogas. "Eu não consigo parar, não consigo. Ficando aqui presa, eu fico longe das drogas. Droga é uma prisão pior do que essa daqui", disse, que não quer se identificar.

De acordo com o diretor do presídio, a mulher entrou em desespero ao saber que seria liberada. "Nós temos por obrigação fazer com que ela consiga encontrar uma casa de recuperação para drogados lá fora e que consiga realmente se recompor com a família, com a mãe e com a filha", afirmou.

"O que tenho na mente é que minha filha está me esperando, sabe? Está precisando de mim. E já estou cansada da droga e que eu vou morrer nessa droga", desabafou. Diante da situação, no início da noite desta terça-feira (25), o diretor do presídio conseguiu uma vaga num centro de recuperação de dependentes químicos e a ela foi encaminhada para o local.

Fonte: G1