Diretor morre ao ser jogado do 2º andar por trabalhadores

O episódio ocorreu na sexta-feira na localidade de Tangshan, província de Hebei,

Um grupo de trabalhadores agrediu e atirou do segundo andar o diretor de uma companhia privada que pretendia comprar e cortar postos trabalho na empresa siderúrgica estatal na qual eles trabalham, matando-o na hora, informou hoje a imprensa chinesa.

O episódio ocorreu na sexta-feira na localidade de Tangshan, província de Hebei, dentro da segunda tentativa da empresa privada Jianlong Steel Holding Company de comprar a estatal Grupo Siderúrgico Tonghua.

Chen Guojun, o diretor da companhia privada, que ocupa o 150º lugar dentro as 500 maiores empresas chinesas, tinha ameaçado demitir os trabalhadores de Tonghua caso a privatização ocorresse.

Os meios de comunicação chineses informaram que Chen liderava a delegação que informou aos trabalhadores de Tonghua, que ocupa o 244º lugar na lista, que a Jianlong compraria 65% de participação na firma e que cortaria empregos e que em breve a empresa se chamaria Chen.

De acordo com fontes policiais, o diretor da siderurgia privada chegou a dizer que dos atuais 30 mil trabalhadores restariam cinco mil, "o que enfureceu a multidão". EFE

Fonte: g1, www.g1.com.br