Dois torcedores morrem e dois são presos durante festa da vitória do Flamengo

O pedreiro Jeferson Gama, de 30 anos, morreu ao ser baleado por seis tiros nas costas.

Dois jovens torcedores do Flamengo foram detidos na madrugada desta segunda-feira por policiais do Batalhão de Choque, na Gávea, Zona Sul do Rio, após uma confusao envolvendo policiais e torcedores que comemorava a vitória do time no Campeonato Brasileiro.

Segundo a polícia, eles teriam jogado uma pedra na viatura da polícia, que por conta disso, teve o vidro traseiro quebrado e um policial feriado levemente. O policiamento na área está reforçado, já que antes outra briga também assustou quem estava no local.

No Leblon, o torcedor Flávio Alberto Seade, de 26 anos, morreu após ser atropelado na Rua Conde Bernardote. A vítima estava em um bar e, de acordo com testemunhas, durante a comemoração do segundo gol do Flamengo, ele e um grupo de amigos batiam na lataria de um caminhão de uma rede supermercado quando o motorista acelerou para se desviar do tumulto. Na manobra, Flávio foi atropelado e morreu no local, sem tempo de ser socorrido.

Em Magé, também durante as comemorações da vitória do Flamengo, o pedreiro Jeferson Gama, de 30 anos, morreu ao ser baleado por seis tiros nas costas.

Ele estava com amigos numa praça em frente à prefeitura e foi atingido quando tentava tirar seu amigo de uma briga. A polícia não tem pistas do atirador.

Fonte: Terra, www.terra.com.br