Dona de motel morre após cliente tentar dar calote em conta

Logo após a cobrança começou um bate-boca com a atendente

Uma briga em um motel de Itatiba, no interior de São Paulo, terminou com uma pessoa morta e outra ferida. Um dos cliente do estabelecimento tentou sair sem pagar a conta, mas impedido pelos donos, que foram baleados durante a discussão. A mulher morreu na hora, o marido ficou ferido.

O homem que passou a noite no motel com uma mulher não tinha dinheiro para pagar a conta. Ele tentou pagar com o cartão de crédito, que foi recusado.

Logo após a cobrança começou um bate-boca com a atendente. A mulher que estava na garupa da moto foi embora e o homem tentou sair sem ser notado para não pagar o valor. Ele foi flagrado pelos proprietários que foram até lá saber o que estava acontecendo. Na briga, o homem acabou baleando os dois.

Paulino Machado, Margarida e Renta Araújo (Crédito: Reprodução)
Paulino Machado, Margarida e Renta Araújo (Crédito: Reprodução)


Paulino Machado, de 58 anos, proprietário do motel foi atingido no pescoço e socorrido. Já a mulher dele, Margarida de Fátima, de 53 anos, morreu ainda no local.

Renato Araújo Barbosa, de 40 anos, foi preso horas depois. Ele havia fugido de motocicleta. A arma usada no crime não foi encontrada.

objetos encontrados no local do crime (Crédito: Reprodução)
objetos encontrados no local do crime (Crédito: Reprodução)


Foram apreendidos um celular e um coldre com balas. Os objetos estavam com o dono do motel. Por isso, a polícia investiga se o suspeito entrou armado no estabelecimento ou se ele pegou a arma do comerciante.


O suspeito confessou ter estado no motel com uma prostituta, mas nega o crime. Ele havia saído da cadeia há oito meses depois de cumprir pena de 14 anos por roubo.

Fonte: Com informações do R7