Dupla é presa com drogas armazenadas no estepe do carro

Dois homens foram presos transportando diversos tipos de drogas



Dois homens foram presos em flagrante nesta sexta-feira, 16, por uma equipe do Tático Ostensivo Rodoviário (TOR), na rodovia Assis Chateaubriand (SP-425), em Estrela do Norte, a cerca de 600 km de São Paulo, acusados por crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico e contrabando de medicamentos de uso proibido no país. Eles transportavam as drogas no estepe do veículo que dirigiam, um VW Gol preto com placa JIE-2350 de Brasília (DF).

Os policiais da 2ª Companhia do 2º Batalhão da Polícia Militar Rodoviária que realizavam patrulhamento pela rodovia abordaram o carro, ocupado pelo porteiro Sérgio Vasconcelos, de 39 anos e pelo técnico em informática Marlon Soares de Oliveira, de 27 anos. Ambos residentes em Brasília (DF). Ao serem abordados, os ocupantes do veículo demonstraram nervosismo e não apresentaram com exatidão o motivo da viagem.

Os patrulheiros suspeitaram e iniciaram revista minuciosa. Ao fiscalizarem o estepe do carro, notaram que havia algo estranho. O pneu sobressalente do veículo foi desmontado e os policiais encontraram no interior dele 12 frascos de lança-perfume; várias ampolas de remédios de uso veterinário usado para aumento da massa muscular - chamado popularmente de "bomba" -; 44 cartelas de comprimidos para disfunção erétil Pramil, totalizando 840 unidades.

Também foram encontradas 100 cartelas de Desobesi-m, medicamento para inibir o apetite, que somaram 1,5 mil comprimidos; 30 cartelas de Sibutramina, totalizando 300 comprimidos; e ainda 25 cartelas de Cytotec, totalizando 249 comprimidos. Este último medicamento é indicado para tratamento de úlcera, mas devido ao seu forte poder de contração é usado clandestinamente para provocar abortos, motivo da sua proibição no Brasil.

Questionados sobre os produtos, os autores alegaram que adquiriram a droga e os medicamentos em Ciudad del Leste, no Paraguai, e pretendiam revendê-los em Brasília, local onde residem.

A ocorrência foi apresentada na Delegacia de Polícia Federal de Presidente Prudente, onde foi ordenada a apreensão da droga e dos medicamentos e os homens foram presos em flagrante. Em seguida, ambos foram encaminhados para a cadeia pública de Presidente Venceslau, onde deverão permanecer recolhidos à disposição da Justiça.

Fonte: Terra, www.terra.com.br