"Ele nunca foi um bom pai", disse criança que teve mãe e avó mortas

Segundo testemunhas, o acusado teria quebrado o vidro da casa para tentar entrar

Um homem matou a mulher e a sogra a facadas no início da manhã deste sábado, em Garibaldi. Segundo a Brigada Militar, Sérgio Siqueira, 40 anos, chegou na casa da sogra, Justina Brandão, 51, por volta das 6h, e lá encontrou a mulher, Márcia Brandão, 34. Ele teria investido contra as duas com uma faca. Márcia morreu no local e Justina a caminho do Hospital São Pedro.

>> "Ele nunca foi um bom pai", diz filho de uma das vítimas de crime em Garibaldi

O crime ocorreu na Rua Café Filho, bairro Bela Vista I. Siqueira fugiu do local e ainda não foi localizado. De acordo com o delegado Clóvis Vaner Rodrigues de Souza, da Delegacia de Garibaldi, o crime aconteceu na frente dos três filhos do casal, de 16, 15 e 4 anos de idade. O delegado afirmou que ainda está investigando o caso, mas não dúvidas sobre a autoria do crime.

Márcia estava temporariamente na casa da mãe porque vinha sofrendo constantes ameaças do marido. Segundo o soldado Gonçalves, da Brigada Militar de Garibaldi, Siqueira já possuía antecedentes criminais por ameaça e já fora preso por violência doméstica. Na ficha criminal, constam ainda crimes como estupro, tráfico de drogas, lesão corporal e porte de armas.

Segundo testemunhas, o acusado teria quebrado o vidro da casa para tentar entrar, depois de ficar batendo na porta e não ter sido atendido.

Fonte: Clicrbs