Empresário é acusado de fazer sexo com menores em troca de drogas e anabolizantes

Empresário é acusado de fazer sexo com menores em troca de drogas e anabolizantes

O empresário de 38 anos estava sendo investigado há dois meses

Está preso na Polinter, o empresário preso no Recreio dos Bandeirantes, na Zona Oeste do Rio, no fim de semana, acusado de pedofilia e abuso sexual de menores. Ee também é suspeito de agenciar meninas para programas. Segundo a polícia, o suspeito confessou os crimes.

O empresário de 38 anos estava sendo investigado há dois meses. Ele foi preso na noite de sábado (1º), na Praia da Macumba.

Segundo a polícia, no momento da prisão, o empresário estava com menores e oferecia maconha para as jovens.

As adolescentes confirmaram para a polícia que faziam sexo com o suspeito em troca de dinheiro. Elas também contaram que recebiam anabolizantes para modelar o corpo.

No apartamento do empresário, a polícia encontrou caixas de anabolizantes e fotos do empresário com as adolescentes.

Segundo o delegado Rafael Willis, da 16ª DP (Barra da Tijuca), as menores contaram também que o empresário tirou os chips dos celulares para evitar que as jovens ligassem para alguém.

?Ele vai ser enquadrado por pedofilia, estupro de vulnerável e tráfico de drogas?, confirmou o delegado. Segundo ele, somadas, as penas para esses crimes podem chegar a 25 anos de prisão.

As adolescentes foram entregues aos responsáveis, que também prestaram depoimento na delegacia.

Fonte: g1, www.g1.com.br