Empresário é preso suspeito de estuprar 10 meninas pobres

Três garotas violentadas ficaram grávidas

O empresário José Valdemir Costa Filho, de 55 anos, foi preso suspeito de pedofilia, em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense. Segundo a polícia, o homem estuprou dez meninas pobres de comunidades. Três das vítimas engravidaram.

Image title

Em troca de favores sexuais, ele oferecia alimentos, como pacotes de biscoito, e R$ 50 em dinheiro. O preso tinha preferência por meninas de 11 e 14 anos, segundo a polícia.

Os investigadores tiveram dificuldades para localizar o suspeito, pois ele usava nomes falsos e um carro que não era dele.

A delegada Maria Aparecida Mallet da Deam (Delegacias Especializadas de Atendimento à Mulher) de Nova Iguaçu, onde foram registradas as dez ocorrências contra ele, disse que o suspeito abusava do estado vulnerável das menores de idade.


— Ele atraía uma dessas meninas valendo-se do estado de miserabilidade, valendo-se imaturidade delas, e aliciava essas meninas para que elas também trouxessem outras, para que ele pudesse abusar e explorar sexualmente.

O homem foi indiciado por estupro de vulneráveis, corrupção de menores, exploração sexual e induzimento à prostituição. Ele pode pegar de 20 a 30 anos de prisão.

Fonte: Com informações do R7