Empresário mata namorada por ciúmes em Goiânia

O homem atirou três vezes contra a namorada

O dono de uma academia matou a namorada e, em seguida, cometeu tirou a própria vida nesta segunda-feira (3), no Jardim Curitiba II, em Goiânia

Os corpos de Rogério Ferreira Alves e Dayely Fonseca foram encontrados na casa do empresário, que fica nos fundos da academia.

Testemunhas disseram que a academia estava aberta quando o crime aconteceu. "Foi uma outra mulher que trabalha aqui que achou os corpos na casa dele. Ninguém percebeu nada de estranho até então", disse uma jovem.


De acordo com a polícia, o homem atirou três vezes contra a namorada e, em seguida, se matou. "A mulher não morava na casa. Pelo que testemunhas nos relataram, eles já tinham terminado o relacionamento", disse o delegado Dannilo Proto.


O relacionamento entre os dois teria acabado por conta de uma traição de Rogério. Há suspeita de que Dayely tenha ido à academia para finalizar de vez o relacionamento e buscar suas coisas, o que teria provocado a ira do empresário.

Fonte: Com informações do G1