Engenheiro apunhala 4 colegas de trabalho

Homem apresentava um estado de confusão, gritava e chorava.

Um engenheiro italiano de 41 anos apunhalou nesta quinta-feira (21) quatro colegas de trabalho em um posto dos bombeiros de Roma e atropelou outras cinco pessoas quando tentava fugir.

Os meios de comunicação locais informam que um dos feridos tem cortes profundos na garganta, após o ataque de Gabriele Mancini, que trabalhava há cinco anos no posto dos bombeiros onde ocorreram os fatos.

Os quatro feridos por arma branca foram levados a vários hospitais da capital italiana, enquanto o agressor foi detido pela Polícia antes que pudesse sair do local.

O jornal italiano La Repubblica informou que, no momento da detenção, Mancini apresentava um estado de confusão, gritava e chorava.

O responsável de comunicação do Ministério do Interior, Gennaro Tornatore, disse que não existiam motivos econômicos nem discussões prévias entre o detido e seus colegas. Tornatore disse:

- Foi um gesto de pura loucura, não disse nada, tirou a faca e agrediu os colegas.

"Copyright Efe - Todos os direitos de reprodução e representação são reservados para a Agência Efe."

Fonte: R7, www.r7.com