Esposa e filho de vereador são mantidos reféns em assalto no Piauí

Os dois foram mantidos reféns dentro da própria casa.

Um empresaria identificada como Francisca Maria da Silva, de 43 anos de idade, e o filho, um jovem de nome Tiago Pereira Silva,  de 19 anos de idade, foram mantidos reféns durante um assalto ocorrido no povoado Bela Vista, município de Batalha, a cerca de 143 km de Teresina. 

Francisca estava dentro da própria casa quando, de repente, se deparou com dois bandidos armados e de capacete. Os dois [criminosos] pularam o muro da residência e foram até o quarto, onde a empresária estava descansando. 

Resisdência onde as vítimas residem (Crédito: Jornalesp)
Resisdência onde as vítimas residem (Crédito: Jornalesp)

Ela teve arma apontada para cabeça e contou, durante entrevista para um site da cidade, que um dos bandidos pediu para que a mesma abrisse o cofre e entregasse todo o dinheiro. Segundo ela, não havia dinheiro e por isso entregou todas suas joias para os assaltantes. 

Francisca disse ainda que o outro bandido amarrou o seu filho com um “enforca gato” dentro do quarto. A ação ocorreu logo após o marido dela, o vereador José Claudio Pereira, sair para participar de um ato político. 

“Eles chegaram de moto e saltaram o muro, logo após o Zé Claudio sair para um comício na zona rural de Esperantina”, disse. 


Fonte: Portal Meio Norte/ Com informações do Jornalesp