Estudante estupra colega após assistir filme Cinquenta tons de cinza

Mohammad Hossain, de 19 anos, alegou à polícia que ele e sua vítima reencenaram cenas do filme em seu dormitório.

Um estudante universitário foi acusado de estupro a uma colega após supostamente se inspirar no filme Cinquenta Tons de Cinza.

Mohammad Hossain, de 19 anos, alegou à polícia que ele e sua vítima reencenaram cenas do filme em seu dormitório.

Segundo informações, o acusado amarrou e cobriu os olhos da mulher, tirou sua roupa e colocou uma gravata em sua boca antes de começar a lhe bater com um cinto. A vítima pediu para que ele parasse, mas ele se negou a cumprir.

Quando ela conseguiu libertar os braços, Hossain a segurou pelas costas e a agrediu sexualmente. Sandra Bennewitz, advogada de Hossain, afirmou que seu cliente pertence a diversos programas de liderança na Universidade de Illinois, em Chicago, nos EUA. Ela ainda comentou que o ato íntimo era consensual.

O acusado foi detido sob fiança de 500 mil dólares.

O filme Cinquenta Tons de Cinza é uma adaptação da trilogia de El James sobre uma relação sadomasoquista. Ele tem sido sucesso nas bilheterias desde o seu lançamento.

Fonte: Gadoo