Estudante morre após ser baleado em tentativa de assalto em Piracanjuba

Estudante morre após ser baleado em tentativa de assalto em Piracanjuba

Elias Santos se recusou a entregar o celular e foi ferido pelos criminosos. De acordo com a PM, ele estava com outro colega, que saiu ileso.

O estudante Elias Matheus Souza Santos, 15 anos, foi morto durante uma tentativa de assalto em Piracanjuba, a 86 km de Goiânia, na noite de sexta-feira (31). De acordo com a Polícia Militar (PM), ele e outro colega, de 16 anos, estavam no Centro da cidade quando foram abordados por dois homens em uma motocicleta. Os criminosos exigiram os pertences das vítimas, mas Elias teria reagido e acabou baleado. ?O garoto foi agredido e mesmo assim não quis entregar o celular. Aí o assaltante atirou na cabeça dele?, explicou o comandante da PM em Piracanjuba, Werik Ramos da Silva.

Elias chegou a ser socorrido por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas morreu pouco depois de dar entrada no Hospital Municipal da cidade. O outro adolescente não ficou ferido.

Prima de Elias, a estudante Bruna Divina dos Santos, 22 anos, disse que o menino não tinha desavenças que justificassem o assassinato. ?Ele era muito tranquilo e querido por todos. Estamos muito abalados, pois é difícil acreditar que uma vida está valendo tão pouco?, afirmou.

Segundo Bruna, o menino cursava o primeiro ano do ensino médio e era muito aplicado nos estudos. ?Os pais dele e as três irmãs estão arrasados. Recentemente tivemos outra morte trágica na família, mas nunca pensamos que isso pudesse acontecer com o Elias. Espero que a justiça seja feita?, destacou a estudante.

Amigo da vítima, o estudante Cristofer Gomes diz que os moradores da cidade estão assustados com a violência. ?Não é a primeira vez que isso acontece em Piracanjuba, por isso queremos que as autoridades tomem providências?, afirmou.

O caso é investigado pela Polícia Civil da cidade.O enterro do adolescente deve acontecer na manhã de domingo (2), no Cemitério Municipal de Piracanjuba.

Fonte: G1