Estuprador dá risada ao confessar ataque ao menos a três mulheres

Estuprador dá risada ao confessar ataque ao menos a três mulheres

Carlos Victor de Jesus teria cometido pelo menos quatro atentados contra mulheres em apenas um mês.

Um jovem de 18 anos foi preso suspeito de cometer uma série de estupros em Juiz de Fora, na Zona da Mata mineira. Carlos Victor de Jesus teria cometido pelo menos quatro atentados contra mulheres em apenas um mês. Ao contar detalhes dos crimes, o rapaz deu risada.

Victor foi preso no centro de Juiz de Fora, após a divulgação de imagens de câmeras de segurança que flagraram a perseguição a uma das vítimas. Durante a apresentação à imprensa, o suspeito ficou calado. Antes, em conversa com os policiais, assumiu ter cometido os abusos.

Frio, o rapaz achou graça da situação. Ele confessou ter abusado de três mulheres, deu detalhes de como foi a ação e contou porque agrediu uma das vítimas.

? Para ela não poder gritar ou vir atrás de mim.

Menos de dez dias depois do primeiro estupro, mais um crime. Dessa vez a mulher reagiu ao ataque e conseguiu escapar.

? Eu só tentei segurar ela, aí ela me empurrou e foi embora.

O suspeito ainda assumiu mais um atentado. Ele chegou a oferecer dinheiro à vítima na saída de uma festa. A mulher recusou e foi atacada.

? Eu abordei e peguntei quanto ela queria para gente poder transar. Aí segurei, ela me deu um tapa na cara e eu dei três tapas nela.

Duas vítimas já identificaram Victor. Com a divulgação da identidade, a polícia acredita que mais casos podem vir à tona. O jovem teve a prisão temporária decretada por 30 dias e vai ser indiciado por estupro. Ele aguarda o término do inquérito na Penitenciária de Juiz de Fora.

Fonte: r7