Ex-jogador é preso por participação em um grupo de sequestros

Omar Ortiz Uribe foi preso neste sábado (8) em Nuevo León.

O ex-ogador de futebol Omar Ortiz Uribe, conhecido como "El Gato", foi detido acusado de ser membro de uma célula do Cartel do Golfo especializada em sequestros, informou neste sábado (7) a promotoria do estado de Nuevo León, no México.

De acordo com a imprensa mexicana, o cartel do qual Uribe pertencia realizava sequestros e cobrava resgates milionários às famílias das vítimas. O grupo teria realizado cerca de 20 sequestros.

O ex-goleiro de 35 anos estava inabilitado pela Federação Mexicana de Futebol por um caso de doping nos jogos da Taça Libertadores da América de 2010, quando jogava no Monterrey, tradicional equipe da primeira divisão mexicana.

Por estes fatos, o jogador foi punido com dois anos sem poder jogar ao futebol, sanção que termina no próximo mês de abril. Nas últimas horas, a imprensa mexicana tinha repercutido o possível sequestro do ex-goleiro, notícia que foi descartada, pois em lugar de sequestrado, o ex-jogador estava detido pela polícia mexicana.

Fonte: g1, www.g1.com.br