Ex-vereador acusado de extorsão no MA

O ex-vereador Nival Coelho negou envolvimento no caso de extorsão

O ex-vereador Nival Coelho Milhomem negou na manhã desta terça-feira (21), envolvimento num caso de tentativa de extorsão contra o vereador Rildo de Oliveira Amaral, do PV.

Nival Coelho, que é do mesmo partido de Rildo, confirmou que conhece o mecânico de bicicletas Silas Bezerra, o homem preso pela Polícia Federal por tentativa de extorsão, mas desconhece o teor das declarações citando seu nome. Ele disse que somente na manhã desta terça-feira tomou conhecimento do caso por meio dos meios de comunicação.

Perguntado sobre o que teria levado o nome dele ser citado por Silas, Nival disse acreditar que seja uma manobra para desviar o foco do processo na Justiça Eleitoral que ele move contra Rildo Amaral, ainda referente ao pleito passado. A audiência desse processo está marcada para quinta-feira.

?Talvez porque eu sou um dos que moveu uma ação do PV contra o senhor Rildo Amaral, que distribuiu na pré-campanha e na campanha talvez mais de dez mil camisas e, portanto o poder econômico predomina porque a camisa é proibida por lei e entre outras ações uma é penetrada por mim?, defendeu-se.

Nival também esclareceu que numa hipotética cassação do mandato de Rildo Amaral por abuso do poder econômico quem assumiria a cadeira na Cãmara seria o suplente de vereador Antonio José e não ele Nival como chegou a ser divulgado.

Sobre esse processo, Rildo Amaral disse, ainda ontem, que as denuncias não se sustentam. Ele afirmou que está confiante na vitória nesse processo e afirmou que a prisão de Silas é uma prova de que as denuncias estão esfaceladas.

Fonte: Imirante, www.imirante.com.br