Família quer condenação do homem acusado de matar a esposa na frente dos filhos

Família quer condenação do homem acusado de matar a esposa na frente dos filhos

O homicídio qualificado aconteceu quando dois dos três filhos da vítima estavam em casa

Francisca dos Santos foi assassinada na frente dos filhos no dia 16 de junho deste ano na Vila Saci, zona Sul de Teresina.

O homicídio qualificado aconteceu quando dois dos três filhos da vítima estavam em casa e ouviram tudo o que aconteceu no quarto. Ela morreu no local, quando recebeu três facadas. O acusado fugiu numa Kombi, quando começou o sofrimento da família.

A partir de então, começaram os pedidos da família para a prisão do metalúrgico Felipe. Depois de duas semanas, o acusado se apresentou, acompanhado de um advogado na Delegacia de homicídios. Ambos não sabiam que o delegado Robert Lavour estava de posse de um mandado de prisão emitido pelo juiz Silvio Júnior.

A mãe e a irmã da vítima garantem que o alívio é muito grande com a prisão do acusado. Elas afirmam ainda que vão acompanhar o julgamento no Tribunal do Juri Popular. ?Eu sofro pelas duas partes pela dor da perda da minha filha e pela traição dele. Eu nunca imaginei que ele faria isso?, afirmou a mãe da vítima, Dulcinéia de Fátima.

?A família os amigos, ninguém estava dormindo direito porque tinha um assassino solto, um psicopata. Ele poderia fazer tudo outra vez com qualquer outra pessoa. Eu espero que ele seja condenado e pague pelo que ele fez porque minha irmã não merecia?, considera Maria Jucinéia, irmã da vítima.

?Esse indivíduo agiu de forma cruel, mostrando insensibilidade. Ele tirou a vida da própria esposa, com quem ele tinha três filhos?, afirmou o delegado Francisco das Chagas (O Bareta)

Fonte: Denison Duarte