THE: Familiares de mulher apedrejada até a morte na zona Sul pedem justiça; veja

THE: Familiares de mulher apedrejada até a morte na zona Sul pedem justiça; veja

A cobrança da família se dá em razão do acusado estar solto depois de se apresentar à polícia. “

Os familiares de Rosenilda Rodrigues, assassinada a pedradas no dia 1 de março, no Parque Vitória, zona Sul de Teresina, clamam pela prisão do acusado, seu ex-esposo. Segundo o filho da vítima, Éric Fabrício, o acusado não aceitou o final da relação.

As investigações preliminares levaram a polícia a crer que os motivos foram passionais ?Tudo aconteceu porque minha mãe disse que ia terminar a relação. Aí, ela terminou por fazer essa barbaridade com ela?, disse ele. A vítima foi apedrejada até morrer, segundo informações.

A cobrança da família se dá em razão do acusado estar solto depois de se apresentar à polícia. ?Ele matou a minha mãe e quando terminamos de velar o seu corpo, demos entrada no dia 3, na delegacia com todos os dados dele para facilitar as buscas. Na última quinta-feira, ele se apresentou com advogado e terminou ficando impune?. Ao fazer a afirmação Éric Fabrício diz acreditar na polícia e que o caso tão logo terá solução.

O delegado geral de Polícia Civil, James Guerra, assegurou nesta quarta-feira, 12, que as investigações estão avançando e que vai trabalhar no caso até a prisão do acusado.

Fonte: Denison Duarte