Familiares de vítimas de chacina receberão indenização no Piauí

Ismar Marques disse que fez um levantamento da situação em que se encontram os parentes das pessoas assassinadas

A Comissão de Constituição e Justiça da Assembléia Legislativa, aprovou hoje (12) Indicativo de Projeto de Lei do deputado Ismar Marques (PSB) que prevê indenização aos familiares das quatro vítimas do lamentável incidente que ficou popularmente conhecido como Chacina da Meruoca, ocorrido no segundo Governo Mão Santa.

Na justificativa, Ismar Marques disse que fez um levantamento da situação em que se encontram os parentes das pessoas assassinadas, e constatou que a maioria enfrenta dificuldades financeiras. Uma das vítimas era empresária, mas, teve que dispensar parte dos empregados. Outra, a esposa de um motorista morto na Chacina da Meruoca vive trabalhando como faxineira de um hospital de Teresina.

O deputado relembrou que o crime aconteceu quando policiais do então Comando Corisco da Polícia Civil perseguiram e mataram quatro pessoas na zona rural Teresina, como se fossem assaltantes de banco, quando na verdade os policiais assassinaram pessoas inocentes.

A Chacina da Meruoca ocorreu depois do assalto a uma agência do Banco do Brasil no município de Altos. No Indicativo de Projeto de Lei o deputado Ismar Marques propõe indenização para 13 dependentes dos familiares das vítimas. A pensão foi calculada em C$ 700 por cada dependente, totalizando R$ 9 mil mensalmente ao Governo do Estado. O relator foi o deputado Paulo Martins (PT).

Fonte: Alepi, www.alepi.pi.gov.br