Filho foge de clínica de reabilitação e mata a sua mãe por vingança

Suspeito teria matado a mãe por vingança depois de ser internado

Denílson Salomão Cândido, 22 anos foi preso suspeito de matar a própria mãe no sul de Minas Gerais. Ele teria espancado e enforcado a vítima depois que ela o internou em uma clínica de reabilitação para usuários de drogas.

Image title

Depois de quatro dias de internação, o rapaz fugiu do local e foi até a casa onde ele e Helena Luiz Pedro, de 51 anos, moravam. Vizinhos contaram que ouviram gritos depois que o suspeito entrou no imóvel e, em seguida, ele trancou o portão e nenhuma movimentação foi vista.

No dia do crime, o atual companheiro de Helena ligou para a mulher para dizer que ia visitá-la. Porém, desconfiou depois que Cândido atendeu o telefone. Ele e o outro filho da vítima foram até a residência e a encontraram já sem vida.

No velório da mãe, Dalbert Luiz Cândido diz que ela só queria ajudar o irmão.

— Ela matou ela com uma crueldade que nenhum filho faria com uma mãe. Toda a vida ela sempre fez tudo para ajudá-lo e ele não soube reconhecer.

Após o homicídio, o rapaz tentou tirar a própria vida. Ele foi socorrido até uma unidade de saúde da cidade e, depois de ter alta, foi levado ao Presídio de Campo Belo.  


Fonte: Com informações do R7