Fotógrafo e mais quatro são feridos em operação no Rio

Fotógrafo e mais quatro são feridos em operação no Rio

Entre as vítimas há uma mulher de 61 anos, que foi baleada no abdômen

O confronto no Conjunto de Favelas do Alemão, na Penha, Zona Norte do Rio de Janeiro, deixou, ao menos, cinco pessoas feridas até a noite desta sexta-feira (26). Homens do Exército permaneciam na região por volta das 20h. Uma pessoa foi presa.

Entre as vítimas há uma mulher de 61 anos, que foi baleada no abdômen; um soldado do Exército, que tomou um tiro de raspão; uma criança de 2 anos atingida de raspão no braço esquerdo; um homem que estava refugiado num bar e foi ferido no abdômen; e o fotógrafo da Reuters Paulo Brandão Whitaker, de 50 anos, que tirou a foto acima.

O motorista que estava com Whitaker também foi ferido. De acordo com a assessoria de imprensa do Hospital Pasteur, no Méier, para onde os dois foram levados, o estado de saúde deles não é considerado grave.

A operação levou a uma intensa troca de tiros entre Exército e traficantes. Cerca de 780 soldados foram deslocados para as áreas de conflito na região do bairro da Penha. Eles foram cedidos pelo Ministério da Defesa para auxiliar no combate à onda de violência na cidade. Desde segunda-feira, 34 pessoas foram mortas na onda de ataques, de acordo com um coronel da PM

FERIDO NO BAR - O ferido no bar estava na Estrada Itararé e foi atingido por homens fortemente armados que estavam em uma casa no alto do morro.

FOTÓGRAFO FERIDO - Já o fotógrafo foi ferido no ombro e a bala saiu, mas ele permanecia internado às 20h, pois, de acordo com o hospital, teve uma crise de hipertensão. O motorista de táxi que estava à disposição dele, José Augusto de Carvalho Leite, 42, foi ferido por estilhaços no cotovelo direito e teria alta ainda na noite desta sexta.

UM PRESO - A Polícia Civil prendeu um homem apontado como traficante de drogas no Alemão. De acordo com os policiais, o suspeito é da Favela da Mangueira, mas estava escondido no morro.

SOLDADO FERIDO - Um soldado da Brigada de Paraquedistas do Exército foi baleado de raspão na perna. A informação foi confirmada pelo coronel Zanan, da seção de comunicação do Comando Militar do Leste.

IDOSA FERIDA - A mulher de 61 anos ferida no abdômen estava na Rua Paranhos, em Olaria, perto do conjunto de favelas do Alemão.A vítima estava em casa quando foi atingida. Segundo a Secretaria estadual de Saúde, ela foi levada para o Hospital Getúlio Vargas, também na Penha. Por volta das 18h, ela estava no centro cirúrgico e não havia informações sobre o seu estado de saúde.

OPERÁRIOS DEIXAM ÁREA - Operários, fugindo de tiroteio no Morro do Alemão, tiveram que deixar a região dentro de um blindado. Os funcionários da prefeitura estavam realizando serviço no sistema de iluminação da comunidade. O grupo teria sido levado para o 16º Batalhão da Polícia Militar, em Olaria.

CHEGADA FOI ÀS 15H - Os soldados do Exército começaram por volta das 15h desta sexta a chegar ao conjunto de favelas do Alemão e à Vila Cruzeiro. A Polícia Civil também faz operações na Vila Cruzeiro, na Penha, e, de acordo com o delegado Márcio Mendonça, da Delegacia de Roubos e Furto de Automóveis (DRFA), até as 16h desta sexta, os policiais tinham apreendido no local 240 motos ? 40 estavam queimadas.

HELICÓPTEROS - Três helicópteros do Exército, com capacidade para transportar de 12 a 16 homens, além de armamento, estão sendo usados nas operações.

TENENTE É BALEADO NO MORRO DA CHATUBA - Um tenente do 16º BPM (Olaria) foi baleado na tarde desta sexta durante uma operação no Morro da Chatuba, no Conjunto de Favelas da Penha. De acordo com a polícia, o agente foi atingido na panturrilha esquerda e passa bem.

FOGO EM ESTAÇÃO DE TREM - Um princípio de incêndio atingiu uma subestação de energia próxima à estação de trens de Benfica. Até o fim da tarde, não tinha informação sobre presos.

CAMINHÃO-BAÚ INCENDIADO - Um caminhão-baú foi incendiado perto da Rua Castello Branco, na Penha. Segundo informações da corporação, não houve feridos. Os bombeiros não souberam informar se o incêndio foi criminoso.

TUCANO DO CHEFE DO TRÁFICO É APREENDIDO - A polícia encontrou um tucano durante a varredura na Vila Cruzeiro. A ave estava na casa do chefe do tráfico na comunidade e acusado de ser o responsável pela queda de um helicóptero da polícia ano passado no Morro dos Macacos, em Vila Isabel, também na Zona Norte.Mangueira, na Zona Norte do Rio.

Fonte: g1, www.g1.com.br