Polícia investiga caso de Miss que teve fotos divulgadas em site

Aline achava que sua imagem estava apenas no Sedução Joinville.

Estilo mulherão para homens sem frescuras e que gostem de mulheres fortinhas. Era assim que uma mulher, que atendia pelo nome de Raquel, usava as fotos d Miss Plus Size Aline Zattar e se passava por ela no site Sedução Joinville, que oferece serviço de acompanhantes.


Image title

A modelo, que já posou para o Paparazzo e teve as fotos de seu ensaio usadas indevidamente, tomou conhecimento do site no começo de outubro e fez a notificação à polícia no dia 5. Inicialmente, Aline achava que sua imagem estava apenas no Sedução Joinville, mas ao ser notificada pela polícia, a responsável pelo domínio, admitiu que usou as mesmas ainda no SexoSc e no PrazerSc.com. Em depoimento, ela contou ainda que não conhecia Aline Zattar, e que apenas "queria fotos bonitas" para ilustrar o site.

"Pensei muito antes de divulgar esse fato, em que tipo de proporção isso poderia tomar. Mas   para a gente se defender, precisa usar dos meios que tem. Fiquei sabendo desses sites através de um seguidor que me avisou em uma mensagem pelo Facebook. Fiquei muito nervosa, chorei muito pensando em quantas pessoas poderiam ter visto aquilo ali achando que era eu verdade", disse Aline, que é casada, e contou com o apoio do marido para denunciar o fato.

Image title

Image title

Image title

Image title

Fonte: Com informações do Ego